Marketing de conteúdo para advogados em 2021

O marketing de conteúdo para advogados é simples: é conteúdo online, como blogs, mídias sociais, vídeos, podcasts.

Os conteúdos fazem com que as pessoas conheçam seu escritório e o seu trabalho. 

Resumidamente, é isso. E, é um grande negócio. 

Marketing de conteúdo para advogados
Marketing de conteúdo para advogados

O marketing de conteúdo para advogados obtém três vezes mais oportunidades de clientes que anúncios, segunda pesquisa da Impct Plus

Segundo o New York Times, um consumidor médio vê cerca de 5.000 anúncios por dia! 

Seus clientes estão procurando autoridade e autenticidade. Eles querem se sentir conectados a um advogado antes de contratar. 

Isso é verdade para empresas em qualquer nicho e, especialmente, em serviços jurídicos, onde os problemas geralmente afetam os clientes em um nível mais profundo. 

Embora os anúncios online e outras táticas tenham seus pontos fortes, só há uma maneira de oferecer a conexão que os consumidores desejam: criando conteúdo direcionado e útil.

É o que fazemos no Doutor Multas, por exemplo, na área administrativa de direito de trânsito.

image 94
Site Doutor Multas | Marketing de conteúdo para advogados

É fácil fazer um monte de atividades, escrever alguns posts no blog, enviar alguns tweets e chamar isso de marketing de conteúdo para advogados. 

Você pode ver alguns resultados. 

Mas para obter o máximo do seu programa de marketing de conteúdo e realmente construir sua marca, engajar clientes e impulsionar as vendas, você precisa de mais do que atividade. 

Você precisa de uma estratégia.

Neste guia, vou ajudá-lo a entender o marketing de conteúdo para advogados e como dar os próximos passos para a criação de conteúdo que atrai clientes. 

Vou mostrar para você as ferramentas e orientações para desenvolver seu plano de Inbound marketing, junto com dicas sobre pesquisa de palavras-chave, personas de clientes, criação de conteúdo valioso, distribuição de conteúdo e medição de seu ROI.

Esses são conhecimentos que aplico há mais de 6 anos nos meus negócios digitais e estão trazendo muito resultado.

Armado com as ferramentas disponíveis e uma compreensão da importância de criar conteúdo de qualidade, você começará a falar com seus clientes em potencial de uma forma que eles não podem ignorar.

OK, então o que é marketing de conteúdo?

Marketing de Conteúdo: descubra como alavancar sua marca online
O que é Marketing de conteúdo para advogados?

O marketing de conteúdo é o processo de criação e compartilhamento de conteúdo valioso e consistente para atrair um público-alvo. 

Ao contrário da publicidade tradicional, o marketing de conteúdo é a arte de transmitir uma mensagem clara ao seu público, sem vender. 

O foco está na criação de conteúdo centrado no cliente que ajude seu público a resolver seus problemas. 

É ser um defensor do cliente, ajudá-lo a navegar por momentos difíceis e se tornar seu guia confiável.

O marketing de conteúdo eficaz para advogados constrói confiança e autoridade em você e em seu escritório de advocacia. 

Quando seus clientes precisam de assistência jurídica, eles procuram você porque você tem as respostas.

As etapas para o marketing de conteúdo para advogados incluem:

  1. Pesquisar: Realizando pesquisas sobre seus clientes-alvo, palavras-chave, tópicos de conteúdo, Google Alerts e muito mais.
  2. Criação de conteúdo: Criação de conteúdo como postagens de blog, páginas de site, webinários, vídeos, podcasts e muito mais.
  3. Distribuição de conteúdo: Distribuir seu conteúdo online e promovê-lo em canais como suas redes sociais e website.
  4. Convertendo visitantes em leads. Capturar aqueles que estão lendo seu conteúdo e transformá-los em leads por meio de chamadas para a ação (CTAs).
  5. Medindo seus resultados. Usando dados de leads e conversão para medir os resultados e o retorno sobre o investimento (ROI) de seu processo de marketing de conteúdo.

Juntando tudo isso, o marketing de conteúdo para advogados é o processo de usar o conteúdo para trazer novos leads para seu escritório. 

Seu objetivo é atrair clientes em potencial, em vez de empurrar externamente sua marca, produto ou serviço para todo mundo, na esperança de gerar clientes.

Qual é a diferença?

 É tudo uma questão de estabelecer você como a solução mais confiável para que os clientes possam resolver seus problemas.

Crie seu funil de marketing em torno da persona do cliente

Funil de Vendas: que conteúdo usar em cada etapa - Agência JV Marketing com  Vendas Digital
Funil de marketing | Marketing de conteúdo para advogados

A ideia é simples, leve seus clientes em potencial ao seu conteúdo para que eles possam se tornar seus novos clientes.

Mas, você não pode ter um funil de sucesso sem entender os clientes em potencial que deseja atrair. 

Você vai querer construir seu funil e seu conteúdo em torno de uma persona de cliente e quanto mais específico, melhor.

Uma persona é uma representação do seu cliente ideal. 

É uma boa prática criar pelo menos uma persona para cada serviço que você fornece, ajudando a criar conteúdo direcionado. 

Ao criar suas personas, inclua o máximo de detalhes possível, como:

  • Dados demográficos (idade, sexo, localização)
  • Antecedentes (família, trabalho)
  • Metas (pessoais, de trabalho)
  • Desafio e pontos problemáticos específicos

Realizar pesquisa de palavras-chave e tópicos

Google Keyword Planner: Como utilizar essa ferramenta na sua estratégia de  conteúdo!
Google Keyword Planner | Marketing de conteúdo para advogados

Agora que você tem sua personalidade de cliente em mãos, é hora de entender o que esses clientes estão procurando online. 

Afinal, você deve criar conteúdo sob medida para atender às suas necessidades específicas. 

Por meio de palavras-chave básicas e pesquisa de tópico, você pode selecionar ideias de conteúdo suficientes para manter seu plano de conteúdo completo por meses.

Uma palavra-chave é um termo que os clientes inserem em mecanismos de pesquisa para encontrar serviços específicos. 

Por exemplo, se o seu cliente potencial acabou de receber uma autuação do IBAMA, ele pode pesquisar “advogado autuação IBAMA”. 

Fácil, certo? 

A pesquisa de palavras-chave é o processo de localização e análise desses termos, criando uma espinha dorsal para sua estratégia de conteúdo. 

Para encontrar palavras-chave relevantes para o seu conteúdo, siga estas etapas:

  1. Crie uma lista de tópicos relevantes com base no seu escritório. Reserve algum tempo para considerar tópicos relevantes com base no que você sabe. Pense na personalidade do seu cliente e responda a esta pergunta: “O que eles precisam pesquisar para me encontrar?” Por exemplo, você pode usar “advogado de divórcio” ou “advogado de defesa criminal”.
  2. Faça um brainstorm de palavras-chave com base nesses tópicos. Usando seus tópicos principais, considere o que seus clientes podem pesquisar com base em cada termo. Por exemplo, usando “advogado de defesa criminal”, um cliente pode pesquisar “O que faz um advogado de defesa criminal?”
  3. Use ferramentas online para encontrar palavras-chave relacionadas. Para encontrar ainda mais palavras-chave para adicionar à sua lista, use ferramentas online como a SEMrush ou simplesmente insira sua palavra-chave no Google e veja o que a sugestão automática gera para você.
  4. Limite sua lista de palavras-chave usando ferramentas de SEO. A última etapa é restringir sua lista de palavras-chave com base no desempenho online. Use ferramentas como o Google Keyword Planner para ver a concorrência de suas palavras-chave e o volume de pesquisa. Escolha palavras-chave que tenham um bom volume de pesquisa e menor concorrência para obter os melhores resultados.

Pergunte a si mesmo quais dúvidas ou preocupações seu cliente potencial pode ter e que envolvem cada palavra-chave. 

Crie conteúdo que responda a essas perguntas. Do ponto de vista estratégico, é melhor criar uma planilha para suas palavras-chave e seus tópicos para visualizar facilmente sua estratégia de palavras-chave.

E uma dica: não use só termos técnicos. Seus clientes não sabem o que faz um advogado de planejamento imobiliário. Mas eles sabem que seu sogro precisa ter seu testamento escrito, certo? Portanto, concentre-se em termos simples.

Crie conteúdo valioso baseado em autoridade

Lei de abuso de autoridade: aspectos sobre a imputação dos crimes aos  magistrados
Autoridade | Marketing de conteúdo para advogados

Com tópicos e palavras-chave em seu arsenal de marketing de conteúdo, é hora de criar seu conteúdo. 

O conteúdo que você cria, seja uma postagem de blog ou uma nova página de site, deve ser extremamente valioso para a personalidade do seu cliente e confiável para o seu escritório. 

Também é importante experimentar uma ampla variedade de tipos de conteúdo e rastrear o que ressoa melhor com seu público. 

Os tipos a serem considerados incluem:

  • Postagens e artigos de blogs
  • Vídeos
  • Imagens e infográficos
  • E-mail marketing
  • Podcasts
  • Escrever para publicações de referência no meio jurídico

Quando digo valioso, quero dizer não apenas jogar conteúdo pelo bem de ter algo no site. 

Certifique-se de que seu conteúdo atraia clientes e atraia o tipo de cliente que você deseja. 

Não busque qualquer cliente. Atrair os clientes certos é o segredo para um escritório de sucesso.

Autoridade de domínio e conteúdo legal

Autoridade de domínio é uma pontuação de classificação do mecanismo de pesquisa desenvolvida pela Moz

9 Simple Steps To Increase Your Domain Authority
Moz | Marketing de conteúdo para advogados

Ela prevê o quão bem um site será classificado nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa, com pontuações mais altas correspondendo a uma maior capacidade de classificação. 

Em outras palavras, sua autoridade de domínio é sua reputação online.

Uma maneira infalível de influenciar positivamente sua autoridade de domínio é produzindo conteúdo da mais alta qualidade para seus clientes. 

Para escritórios de advocacia, a autoridade de domínio é ainda mais importante. 

Os serviços jurídicos fazem parte do que o Google chama de EAT. 

O Google analisa os sites jurídicos com maior atenção, então você deve gerar conteúdo informativo, valioso e confiável.

Honestidade é a melhor política

Não engane seus clientes. Eles verão através de táticas e artifícios em seu site. Você é um especialista em sua área. Você tem o conhecimento! 

Então, basta escrever o que você sabe.

Para criar conteúdo de qualidade, você deve fazê-lo com honestidade e integridade. 

Ao criar seu conteúdo, lembre-se de seguir as regras do Código de Ética da OAB.

Foco na qualidade, não na quantidade

Embora seja uma consideração importante, o conteúdo de alta qualidade não depende da contagem de palavras ou do número de postagens de blog ou páginas que você publica a cada mês. 

Diga o que você precisa dizer e não se esqueça de editar. 

Uma postagem de blog informativa e de alta qualidade é muito melhor do que quatro postagens de blog inúteis e rasas de conteúdo. 

A chave é se concentrar em fornecer qualidade, não quantidade.

Além de transparente e com foco na qualidade, seu conteúdo também deve ser:

  • Fácil de digerir: Certifique-se de usar seu espaço em branco para combater a fadiga do leitor para seus clientes. Mantenha os parágrafos em 3-4 sentenças e use sentenças com 20 palavras ou menos para facilitar a leitura. 
  • Acionável: Seus clientes devem ser capazes de agir depois de consumir seu conteúdo. Por exemplo, dê a seus clientes um conjunto de etapas a serem seguidas para resolver um problema. Seu conteúdo deve melhorar a vida do seu cliente de alguma forma.
  • Exato: Quaisquer fontes que você usa ou citações que você obtém devem ser precisas. Ao criar conteúdo jurídico, certifique-se de que o conselho fornecido seja preciso e seguro para seus clientes.
  • Editado e revisado: Edite seu conteúdo para que ele permaneça fiel à sua voz e personalidade do cliente. Revise os erros de digitação e a pontuação. Conteúdo com autoridade é o conteúdo escrito com a gramática em mente.

Distribuição do seu conteúdo

Quais redes sociais o seu público habita? | Seeds Design Estratégico
Perfil dos usuários nas redes sociais | Marketing de conteúdo para advogados

A distribuição do conteúdo ajuda a direcionar clientes em potencial para o centro de sua estratégia de marketing de conteúdo: seu site e, melhor ainda, seu e-mail e número de telefone para entrar em contato com você. 

Para ajudar a direcionar o tráfego para seu site, você precisa distribuir seu conteúdo para os canais apropriados e promovê-lo para as pessoas certas.

Distribuição e promoção são duas coisas diferentes. A distribuição envolve o processo de envio de seu conteúdo para canais como mídia social e e-mail para compartilhar com outras pessoas. 

A promoção envolve os elementos pagos de sua estratégia, como colocar algum dinheiro em Google Ads.

Para distribuir seu conteúdo, você tem muitas opções diferentes. 

Ao escolher qual opção funciona melhor, leve em consideração as coisas do ponto de vista de seu cliente: onde eles ficam online?

  • Mídia social: Um link simples para sua nova postagem de blog com uma dica interessante para chamar a atenção faz maravilhas. Facebook, Instagram e LinkedIn são ótimas opções para o marketing de conteúdo de escritórios de advocacia. 
  • E-mail marketing: Uma lista de e-mail é uma ótima ferramenta para aqueles clientes que não usam mídia social. As listas de e-mail são um dos ativos mais valiosos para o seu escritório de advocacia. Se você não tem uma lista, comece a construir uma. Existem várias ferramentas que você pode usar gratuitamente para começar.
  • Diretórios e portais jurídicos. As pessoas pesquisam no Google por advogados, estar presente em diretórios e escrever para portais jurídicos como o Âmbito Jurídico, JusBrasil, Migalhas e Conjur, podem atrair visibilidade para o seu site e o seu escritório.
  • Google Ads: Uma campanha do Google Ads impulsionará seu conteúdo no Google, tornando mais fácil para os clientes-alvo encontrarem você na pesquisa.

Converta visitantes em leads

Como converter visitantes em leads — Angelo Públio
Converter visitantes em leads | Marketing de conteúdo para advogados

Agora que você ganhou uma lista de clientes em potencial com seu conteúdo, é hora de levá-los para o funil de marketing. 

Conforme eles chegam ao seu site, você deseja convertê-los de leitores casuais interessados ​​em leads qualificados para seu escritório. 

  • Landing Pages: Se você comprar um anúncio pago para o seu conteúdo, ele precisa ir a algum lugar. As Landing Pages capturam cliques de anúncios pagos. Além disso, o Google dá mais valor, vendo como indicador de relevância. Uma página de destino pode oferecer o conteúdo que você criou em troca de suas informações de contato.
  • Chamada para a ação (CTA): Independentemente de como seu cliente em potencial encontra você, certifique-se de que cada página do seu site tenha uma CTA. Formate seus CTAs para se destacar do resto do seu conteúdo. Seja direto e diga a seus leitores exatamente o que você deseja que eles façam. Por exemplo, “Ligue para nós para agendar uma consulta” ou “Baixe nosso guia gratuito”.
  • Formulários: Você pode fazer formulários de contato para que o visitante deixe suas informações para ser contatado.

Avalie os resultados e o seu Retorno sobre o Investimento (ROI)

ROI (retorno de investimento): Como calcular e multiplicar com o CRO?
ROI | Marketing de conteúdo para advogados

Depois de implementar um plano de marketing de conteúdo para advogados, você precisará medir seus resultados e revisar com frequência para manter sua estratégia relevante. 

Se o seu conteúdo estiver funcionando, ele irá gerar leads que se transformam em clientes para seu escritório.

Para rastrear os esforços de marketing de conteúdo de seu escritório, existem algumas métricas a serem observadas, incluindo:

  • Qualidade de leads: Se seus clientes ideais estão baixando suas atualizações de conteúdo ou ligando para seu escritório para fazer perguntas, seu conteúdo está gerando leads qualificados. Pergunte a todos os leads que ligam como o encontraram e marque nos questionários de admissão para manter o controle. Use ferramentas como o Google Analytics em seu site para ver quais páginas os visitantes do site estão visualizando.
  • Fechamento de clientes. Como advogado, você pode ver como sua estratégia de marketing de conteúdo está melhorando seus fechamentos de contratos. Você também pode usar o Google Analytics para ver as taxas de conversão dos visitantes que passam de seu conteúdo para a página de meta que você definiu (como a página de contato ou uma página de destino específica).
  • Tráfego do site. Supondo que você está adicionando novo conteúdo de forma consistente, você deve descobrir que os números de tráfego do seu site continuam a aumentar. Use o Google Analytics para observar seus números de tráfego. Se houver uma postagem de blog em particular que está atraindo a maior parte do seu tráfego, continue a produzir mais conteúdo sobre esse tópico – está claramente ressoando com seu público!

Conclusão

Sejamos realistas: o marketing de conteúdo não fornece uma solução milagrosa. É definitivamente um jogo de longo prazo. 

A maioria dos especialistas afirma que seu plano de marketing de conteúdo deve começar a gerar leads dentro de seis a nove meses. 

Até então, crie conteúdo de alta qualidade, ofereça atualizações, distribua e promova.

O marketing de conteúdo para advogados é um investimento que, se feito corretamente, pode resultar no sucesso do seu escritório. 

Ao escrever conteúdo com seu cliente em mente e lembrar-se dessas dicas, você estará no caminho certo para o sucesso no marketing de conteúdo.

Você já está utilizando estratégias de marketing de conteúdo para advogados? Comente abaixo sua maior dúvida, vou adorar saber mais sobre você.

saraiva autor info

Gustavo Saraiva

É empreendedor digital, investidor e cofundador do Doutor Multas, sócio do Âmbito Jurídico e sócio da Evah. É colunista do UOL, JUS, Icarros e escreve para dezenas de portais, revistas e jornais.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *