O que é Blog de nicho? Vale a pena ter um? Descubra o porquê

blog de nicho
O que é um blog de nicho? Imagem do freepik por rawpixel.com

Nesse artigo você vai descobrir o que é um blog de nicho e quando vale a pena ou não e o porquê.

Resolvi fazer algo diferente nesse meu blog pessoal e decidi não ter um nicho específico e talvez você não deva ter, também. 

Leia até o final para descobrir porque tomei essa decisão e o que pretendo fazer. 

O que é um blog de nicho?

Um blog de nicho é um segmento de um tópico maior que pode ser definido por suas próprias necessidades, preferências ou identidade que o tornam diferente do geral. 

Por exemplo, no tópico de culinária existem muitos segmentos ou nichos diferentes.

Como por exemplo, a culinária francesa.

Blog de nicho de culinária francesa
Blog de nicho de culinária francesa. Imagem do freepik por DCStudio | Blog de nicho

Bom, o conselho mais comum na internet diz que seu blog precisa de um nicho específico, mas isso não está totalmente certo.

É um bom conselho em alguns casos, mas em outros, não necessariamente faz sentido, ou melhor, faz, mas não da maneira que você pensa que faz.

Se você deve ou não se concentrar em um tópico específico ou escrever sobre o que você sente como eu faço, depende mais importante de uma pergunta:

Qual é o seu objetivo com o Blog?

Blog resultados digitais
Blog resultados digitais – RD STATION | Blog de nicho

O objetivo da maioria dos blogs não é criar uma boa redação ou informar as pessoas da melhor maneira possível, mas vender coisas

Como é o caso do blog dentro de um e-commerce. A plataforma Shopify, por exemplo, disponibiliza que você tenha um blog junto a sua loja virtual.

99% dos blogs online são canais para atração de um produto. Isso não significa que eles não possam ter uma boa redação ou conteúdo valioso, mas temos que ser honestos sobre as verdadeiras intenções.

O objetivo do blog da Resultados Digitais é vender o software RD Station, o objetivo do blog da Doutor Multas é ajudar os motoristas a recorrer de multas de trânsito, o objetivo do blog da Evah, é vender chás.

Mas, o objetivo deste blog é ser um bom blog.

Eu adoro blogs como o do Seth Godin, Austin Kleon e do Tim Ferris e, em todos eles, a primeira intenção parece ser criar um conteúdo incrível.

Blog Tim Ferris
Blog Tim Ferris | Blog de nicho

A monetização é uma consideração secundária. Isso não significa que você não pode monetizar, mas sim que a escrita vem em primeiro lugar. (Falarei mais sobre monetização mais tarde, você ainda pode ganhar dinheiro com seu blog sem ter um nicho específico).

Se você está começando um blog para vender um produto, então certamente, você deve focar em um nicho

Não faria sentido o blog do Pipefy ter artigos sobre culinária francesa. Mas se você está começando um blog para si mesmo, como este, então não buscar um nicho pode ser uma jogada inteligente.

Três problemas em ter um nicho

Aqui estão os principais problemas com as pessoas que adotam abordagens muito específicas de nicho em seus blogs.

Problema 1: Nichos levam à falta de conteúdo

O maior problema com um blog focado é a rapidez com que você irá terminar seus tópicos para um bom conteúdo. O único conteúdo que vale a pena escrever são artigos profundos e úteis aos quais as pessoas podem consultar nos próximos anos, e quando você escolhe um nicho muito específico, esses tópicos se esgotam muito rapidamente.

Blog adestramento de cães
Blog adestramento de cães | Blog de nicho

Digamos que você comece um blog sobre treinamento de cães. Você segue um método mas depois de um ou dois anos, começa a ficar preso.

Você já escreveu guias detalhados sobre o treinamento doméstico, todos os truques que os leitores gostariam de saber, socialização, etc. e agora você está fora desses grandes tópicos importantes para cobrir.

Neste ponto, o que pode acontecer:

  • Você sacrificará a qualidade do artigo para continuar publicando
  • Você vai começar a se repetir
  • Você criará  uma grande complexidade em  torno do tópico
  • Você terá que diversificar e sua marca e não fará sentido

No momento em que seu blog canino estava se tornando popular, ele ficará obsoleto e começará a cair em qualidade.

Isso acontece com os blogs o tempo todo.

Blog Doutor Multas
Blog Doutor Multas | Blog de nicho

O blog do Doutor Multas já tem quase todos os guias completos possíveis sobre recursos de multas. Um exemplo de saturação é o blog do Viver de Blog, que já foi um grande sucesso e uma referência para mim e hoje vem perdendo popularidade.

Compare isso com este blog. Eu falo sobre marketing, autodesenvolvimento, criatividade, negócios digitais, softwares.

Por ser livre a temática posso falar sobre vários tópicos, posso fornecer postagens mais detalhadas e com muitas informações sem acabar com a minha lista de ideias.

Nunca tento inventar novas informações sobre um tópico e nunca preciso dividir o valor de uma postagem em várias para garantir que posso manter minha programação de postagem. 

Assim, eu pretendo manter uma constância para publicar um artigo por dia.

Agora, é claro, existem exceções, principalmente se você não publicar com frequência. Ou casos como o da Suno que publica sobre o mercado de ações que está constantemente mudando.

Blog da Suno
Blog da Suno | Blog de nicho

Sem um modelo como qualquer um desses, restringir-se vai fazer mais mal do que bem. E, não se restringindo muito, você pode explorar seus interesses o quanto quiser e escrever sobre eles de maneiras completas e úteis, ao contrário de todas as maneiras que dão má fama aos blogs.

Problema 2: você pode ficar entediado

Eu fico entediado com extrema facilidade. Posso ficar obcecado por um assunto por alguns meses, depois ficar entediado com isso e desistir completamente (como fiz com o blog do Líder Motos).

Se você for como eu, um blog restrito se tornará um problema. Parte do motivo pelo qual acabei deixando alguns projetos de lado foi que fiquei entediado ao discutir sobre um assunto. 

Problema 3: você é mais substituível

O maior problema com o “você precisa de um nicho!” O argumento aplicado ao blog é que ele está ignorando o nicho mais estreito do mundo: você

É fácil encontrar outro blog de saúde, blog de ioga, blog de jardinagem, mas você nunca encontrará outro Gustavo Saraiva, Lara Nesteruk ou Ícaro de Carvalho.

Influenciadora Lara Nesteruk
Influenciadora Lara Nesteruk | Blog de nicho

Uma empresa precisa de um nicho porque o produto tem que resolver um determinado problema

Mas com um blog, o problema que você está resolvendo em última análise é a atenção e o interesse, e a maneira mais eficaz de manter o interesse de alguém é sendo interessante e insubstituível

Se você está dizendo as mesmas coisas que qualquer outro site de produtividade, você não desenvolverá nenhuma audiência, mas como um indivíduo, você pode conquistar sua própria mentalidade de leitores que um blog de tópico nunca conseguirá.

Agora, dito isso, existem alguns desafios de não ter um nicho que não podemos ignorar.

Desafios de não ter um nicho tão específico

Portal Âmbito Jurídico
Portal Âmbito Jurídico: Educação jurídica gratuita e de qualidade | Blog de nicho

Pela minha experiência em desenvolver este blog, desenvolver o blog do Doutor Multas, do Âmbito Jurídico, do Líder Motos e da Evah e trabalhar com outras pessoas, existem alguns desafios claros em não ter um nicho bem definido.

O marketing é mais difícil

Quando você faz seu blog nesse estilo e não se dá um nicho claro, é mais difícil convencer as pessoas a lerem seu blog ou se inscreverem nele. O que você diria para elas? Para este site, eu teria que dizer “opa, você vai aprender sobre marketing, SEO, sexo, filosofia, marketing, viagens, dinheiro…”.

Você não pode fazer uma chamada tão forte como você pode com um blog de marketing… mas estou bem com isso. Sim, nunca terei uma taxa de adesão de e-mail de 10%, mas vale a pena não irritar seus leitores.

A monetização é mais difícil

Ganhar dinheiro com um site sem nicho é consideravelmente mais difícil. Você tem que ser criativo com sua monetização e não pode seguir os modelos tradicionais de “ganhar dinheiro com blogs”. 

Minha abordagem é continuar escrevendo artigos sobre o que estou interessado e, em seguida, criar produtos em torno dos tópicos que vão bem. Se meus artigos de marketing forem extremamente bem, então posso oferecer uma consultoria de SEO e conteúdo para startups (envie-me um e-mail se estiver interessado).

Prefiro criar produtos que possam se vender por meio do blog de forma consistente e que permaneçam relevantes por pelo menos alguns anos.

Eu não gosto de fazer os grandes lançamentos que você normalmente vê os infoprodutores fazerem, já que queima sua lista de e-mail e força você a se concentrar na construção de listas. Prefiro criar conteúdo perene que possa passar naturalmente para o estágio superior do funil de vendas.

A última coisa que direi sobre monetização é que, deliberadamente, não monetizo o site. Se eu monetizar em tudo que for espaço, facilmente estaria ganhando mais, mas isso destruiria a experiência e diminuiria o potencial total a longo prazo.

Se o seu objetivo é só ganhar o máximo de dinheiro da forma mais rápida possível, o blog não é para você, e o blog sem nicho definitivamente não é para você.

Identidade é mais difícil

Esse desafio não é tão ruim, mas fica confuso até para você mesmo quando tenta explicar o que faz. Se alguém me perguntar “o que você faz”?

Normalmente direi “marketeiro”, mas se eles perguntarem “ah, sobre o que você faz marketing?” Será uma explicação de 5 minutos. Às vezes, eu deixo de lado a complicação e digo que sou um especialista em marketing.

Como fazer um blog sem um nicho

Como fazer um blog sem um nicho
Como fazer um blog sem um nicho – Imagem Freepik – Crédito drobotdean | Blog de nicho

Agora, algumas dicas para fazer funcionar se você seguir esse caminho.

Permita-se escrever e experimentar novos temas

Como você não tem nicho, pode escrever literalmente sobre o que quiser, e deve! Você nunca sabe quais subnichos você descobrirá experimentando.

Você nunca sabe o que vai funcionar bem, então você tem que continuar experimentando.

Foco na qualidade em primeiro lugar

Você também precisa dispensar quaisquer noções de colocar o marketing em primeiro lugar ou gastar “20% do seu tempo na criação de conteúdo e 80% na promoção”.

Você é um escritor agora, e seu trabalho é fazer um blog incrível. Você não pode atrair as pessoas com a promessa de morar na praia enquanto terceiriza seu trabalho para freelancers que são praticamente explorados por plataformas de conteúdo. Sua única promessa é que você será interessante e terá que cumprir isso.

E uma vez feito isso …

Em seguida, concentre-se em divulgar o seu blog

Como divulgar o seu blog
Como divulgar o seu blog | Blog de nicho

O marketing por e-mail é fundamental. Tanto é que newsletters estão fazendo muito sucesso. Como a do the news.

Eu particularmente vou focar no SEO, E-mail Marketing e Youtube.

Mas não encontre tópicos só porque farão você ir bem em SEO ou Instagram e, em seguida, escreva-os, em vez disso, adapte o que você escreveria para SEO e mídia social. 

Tenha bons títulos, faça sua pesquisa de palavras-chave, use imagens atraentes, mas não produza artigos só para ganhar acessos.

Pegue o que você iria criar de qualquer maneira e torne o mais fácil possível para as pessoas encontrarem e compartilharem.

Foque em criar a sua marca, esse é o segredo. No longo prazo, isso fará toda a diferença.

Meu objetivo com esse blog é publicar artigos nos próximos 40 anos.

Não deixe de fazer algo que você acredita ou tenha vontade porque algum guru da internet fez um stories de 10 segundos no Instagram. 

Acredite em você e construa a sua marca e tenha em mente o longo prazo. Pense em no mínimo 10 anos.

Você já começou o seu blog?

Agora, também quero saber como está sua jornada com o seu blog e qual nicho você quer produzir conteúdo. Você pretende ter um blog de nicho?

Comente abaixo eu adoraria saber mais sobre você e quais os seus desafios!

saraiva autor info

Gustavo Saraiva

É empreendedor digital, investidor e cofundador do Doutor Multas, sócio do Âmbito Jurídico e sócio da Evah. É colunista do UOL, JUS, Icarros e escreve para dezenas de portais, revistas e jornais.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *